Cristãos ganham batalha judicial contra muçulmanos