Clérigos muçulmanos exigem que as igrejas sejam destruidas em Zanzibar