Ânimo e força por meio da Palavra de Deus

| 26/12/2014 - 00:00


26_Butao_0310008305

A Bíblia é um item valiosíssimo aos cristãos perseguidos. Eles sabem o poder que suas palavras têm para mudar uma vida. Portanto, aceitam que seu corpo padeça opressão a fim de que seu espírito desfrute de liberdade.

Thapa, pai de Pema, foi preso no Butão em março deste ano, juntamente com seu colega Tandin. Nesse país budista, é proibido realizar encontros religiosos sem aprovação do governo. E era isso o que eles faziam.

Depois de oito dias preso, Thapa solicitou à filha que conversasse com o delegado responsável para pedir de volta sua Bíblia, confiscada no dia em que fora preso. Pema falou então ao delegado do valor que a Palavra de Deus tem para quem é cristão. O delegado atendeu ao pedido da moça e devolveu a Bíblia aos dois pastores.

Quatro dias depois de terem o livro de volta, ambos haviam terminado a leitura do Novo Testamento. Cinco dias depois, Tandin já havia lido todos os 39 livros do Antigo Testamento.

Mais tarde, o delegado comentou com Pema: “Foi bom você ter me pedido a Bíblia de volta. Nos primeiros dias, os dois estavam muito tristes e deprimidos. Eu pensava no que fazer para aliviar a situação deles. Agora que estão com a Bíblia de novo, notei uma mudança imediata em seu semblante. Se eu soubesse disso antes, teria devolvido o livro logo no começo”.

Leia também
Pastor Tandin: “Muito obrigado pelo seu apoio em oração”


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2022 Todos os direitos reservados

Home
Lista mundial
Doe
Fale conosco