A cura e perseguição de uma cristã na Índia

Após ser curada e aceitar Jesus, a cristã passou a enfrentar perseguição

| 25/01/2021 - 06:00

Após a cura, Ruby se manteve firme na fé, mesmo diante da perseguição na Índia

Após a cura, Ruby se manteve firme na fé, mesmo diante da perseguição na Índia


Durante muitos anos, Ruby* lutou contra dores abdominais que pareciam não ter cura. Ela visitou inúmeros hospitais na Índia, foi a muitos centros e feiticeiros da aldeia local, mas não encontrou cura em nenhum lugar. Então, a indiana foi apresentada a uma igreja, onde cristãos oraram por ela. Ela se sentiu à vontade e passou a frequentar as reuniões de oração. Ruby gradualmente foi curada das dores que a acompanhavam há anos.

Esse encontro fez Ruby aceitar Jesus e frequentar a igreja. Como os vizinhos da cristã perceberam a conversão da mulher, passaram a ameaçar tanto Ruby quanto a família dela. Apesar de serem pressionados a abandonar a nova fé, eles continuaram frequentando a igreja.

Então, os moradores da aldeia ficaram furiosos e convocaram uma reunião para que o marido de Ruby, Kishore*, impedisse a esposa de frequentar os cultos. Devido à pressão constante que Kishore sofreu dos moradores, ele começou a agredir a esposa para que abandonasse a fé cristã. Mas, após ter experimentado uma cura milagrosa, Ruby manteve-se forte. 

Os aldeões não viram mudanças nas atitudes de Ruby, que continuava a frequentar a igreja. Então, a cristã e a família foram excluídas da aldeia, tendo os laços com os vizinhos e serviços públicos cortados. Tudo isso deixou Kishore furioso, resultando em mais agressões à Ruby. Mas a cristã continuava orando para que o marido encontrasse Jesus. E, após dois anos da conversão da indiana, Kishore também recebeu a Cristo e passou a orar e frequentar a igreja.

Nesse tempo, os cristãos da aldeia vizinha e os parceiros da Portas Abertas ajudaram a família com alimentos e trabalho. Tendo que enfrentar perseguição de todas as formas possíveis Kishore e a família continuaram a ser fortes em Cristo e estão de pé como um testemunho para os outros. “Em situação desesperada clamei o nome do Senhor e ele respondeu aos meus gritos de luta através de todos vocês e, de fato, nos abençoou. Agradeço a Deus pela vida de cada um”, agradece Ruby.

*Nomes alterados por segurança.

Ajuda emergencial a um cristão indiano

Assim como a família de Ruby e Kishore teve a vida transformada por meio do encontro com Cristo e da ajuda de vizinhos e parceiros da Portas Abertas, queremos encorajar você a levar esperança para os cristãos perseguidos na Índia. Ore e socorra cristãos indianos quando eles mais precisam e mostre que, como corpo de Cristo, estamos unidos para ajudar uns aos outros.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE