Asia Bibi lança livro sobre sua história

A cristã paquistanesa, que hoje mora no Canadá, compartilha sobre os anos em que ficou presa acusada de blasfêmia contra o islamismo

De acordo com o jornal britânico The Guardian, a cristã paquistanesa Aasiya Noreen, mundialmente conhecida como Asia Bibi, que passou 9 anos no corredor da morte por blasfêmia, está lançando sua autobiografia. “Vocês conhecem minha história pela mídia. Talvez você tenha tentado se colocar no meu lugar para saber o que passei. Mas você está longe de entender meu dia a dia na prisão ou minha nova vida. É por isso que eu vou contar tudo nesse livro”, afirma a cristã.

Asia Bibi, uma cristã mãe de cinco filhos, suportou nove anos na prisão sob acusações de blasfêmia contra o islamismo. A Suprema Corte do Paquistão a absolveu por fim em outubro de 2018. Ela passou os sete meses seguintes sob custódia protetiva aguardando uma revisão na decisão judicial. Enquanto isso, seus advogados negociavam sua expatriação com o governo, que teve de lidar com diversos protestos quanto a soltura da cristã.

Em maio do ano passado, ela se uniu ao marido e às filhas no Canadá, onde eles já viviam em um local desconhecido, por medo de ataques de militantes islâmicos. Com a divulgação do livro, Asia Bibi liberou duas fotos suas recentes. A autobiografia, entitulada “Enfim livre” (tradução livre), foi escrita com Isabell-Anne Tollet, uma jornalista que fez campanha pela libertação de Asia Bibi.

Pedidos de oração