Cristã fulani é obrigada a escolher entre marido e Jesus

Após a descoberta de sua conversão, Diarraye foi agredida, humilhada e expulsa de casa

| 28/08/2018 - 00:00

Ore pela igreja na Guiné, que passa por dificuldades

Ore pela igreja na Guiné, que passa por dificuldades


Diarraye Diallo, de 34 anos, é uma mulher fulani nascida em uma família muçulmana na Guiné. No ano passado, durante uma campanha evangelística, ela aceitou a Jesus e começou a ser discipulada secretamente por um pastor local. Depois de um tempo, ela já não podia mais esconder a nova fé e contou ao marido, que ficou furioso.

Ele falou que Diarraye teria que escolher entre Jesus e continuar a ser casada com ele, porém ela decidiu permanecer com Cristo. Desde então, foi agredida, humilhada e até mesmo expulsa de casa. Atualmente, está na casa da mãe, uma mulher já idosa, mas que também decidiu se converter ao Senhor.

Elas têm sido discipuladas pelo pastor, mas passam por momentos de dificuldade financeira, já que a família se recusa a ajudá-las com comida, roupas, produtos de higiene pessoal e medicamentos. A igreja tem auxiliado Diarraye e os filhos o quanto pode, mas a situação também é difícil para eles.

Pedidos de oração

  • Ore pelo crescimento espiritual de Diarraye e sua mãe.
  • Peça para que elas reconheçam ao Senhor como um provedor poderoso.
  • Ore também por sabedoria e compaixão para o pastor e a igreja.

Leia também
Cristãos antes perseguidos agora compartilham sua água
 


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2022 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE