Cristãos são condenados por divulgar o evangelho

| 11/02/2016 - 00:00


11-iran-0260010387

Quatro cristãos iranianos foram presos e condenados por evangelizar alguns amigos e difundir o evangelho, dentro de um sistema que proíbe outra religião que não seja o islã. Recentemente, foram convocados a comparecer à Corte de Ahvaz, que fica na maior cidade de Khuzistão, no Irã, onde haverá um novo julgamento. Amin, Hossein, Mohammed e Rahman estavam entre oito pessoas que participavam de um piquenique, em Shush, no dia 5 de março de 2014.

Todos foram levados à força por policiais, tiveram seus olhos vendados e foram interrogados durante várias horas, por agentes da segurança e inteligência, que estavam armados. ""Alguns foram liberados logo após o interrogatório, incluindo Mohammed, que foi detido novamente no dia 7 de abril, juntando-se aos outros três. A acusação para que houvesse o cárcere foi ""ação contra a segurança nacional"". Hossein e Rahman foram libertados sob fiança, em dezembro, enquanto Amin ficou preso até o dia 3 de janeiro"", conta um dos analistas de perseguição.

Embora os quatro estejam livres, ainda são vigiados pela polícia e o novo julgamento vai decidir o destino deles. ""De acordo com o relatório da Vevak (Ministério Iraniano da Inteligência e Segurança), que fica em Ahvaz, eles realizaram reuniões ilegais em igrejas domésticas, em várias cidades, na tentativa de difundir o cristianismo e converter muçulmanos. A condenação é de um ano de prisão, incluindo o número de dias em que foram mantidos em custódia, por difundir o cristianismo no Irã"", explica o analista. Esse ocorrido ilustra a ousadia dos cristãos iranianos. Quanto mais são perseguidos, mais o número de convertidos aumenta. No ano passado, muitos testemunhos mostraram o agir de Deus no Irã. Lembre-se deles em suas orações.

Leia também
Cristã é revestida pelo Espírito Santo
Eu sonhei com Jesus


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE