Cristãos têm casa incendiada no Vietnã

A família sofreu retaliação após se recusar a negar Jesus

| 17/12/2021 - 16:30

Apesar de perderem a casa, a família disse que continuará servindo a Jesus (foto representativa)

Apesar de perderem a casa, a família disse que continuará servindo a Jesus (foto representativa)


Uma família teve a casa incendiada no Vietnã por ser cristã. Moos* e sua família se recusaram a renunciar à fé em Jesus e continuaram evangelizando outras famílias na aldeia onde vivem no Norte do Vietnã. Por isso, moradores destruíram a casa onde moram.

Moos é pai de seis filhos. Em 2018, ele e sua família se tornaram os primeiros cristãos na aldeia. Desde então, começaram a ser perseguidos pelas autoridades locais e pelos moradores. Os outros moradores do local eram contra a conversão de Moos e sua família porque acreditam que é uma traição à tribo e à tradição e têm medo de irritar os espíritos guardiões da aldeia.

No início, o chefe da aldeia e os demais aldeões fizeram ameaças à família de Moos. Mas, em 2020, quando Moos começou a compartilhar o evangelho com os vizinhos, os aldeões furiosos destruíram seu campo de agricultura. Porém, isso não impediu que a família de Moos continuasse a evangelizar.

Obedecer a Deus e não aos homens

Apesar da opressão da comunidade, o trabalho evangelístico de Moos levou dez famílias em sua aldeia a Cristo. Juntos eles começaram a realizar cultos domésticos na casa de Moos. O chefe da aldeia e outras autoridades locais alertaram Moos sobre isso, mas ele disse que iria obedecer a Deus em vez de homens. A atitude do cristão enfureceu o chefe da aldeia, que prometeu expulsar a família de Moos de lá e destruir a propriedade dele.

Desde então, a família de Moos foi isolada dos outros cristãos da comunidade e seus filhos também não foram autorizados a falar com os colegas de classe na escola. Até que a sua casa, que funcionava como um lugar de culto, foi incendiada na semana passada. A família perdeu a colheita, as roupas e os materiais escolares das crianças.

Moos e sua família têm medo, mas ele disse que eles continuarão servindo ao Senhor. A família está agora temporariamente hospedada na casa de um membro da igreja. Um parceiro da Portas Abertas também está em contato com a igreja local para fornecer ajuda emergencial a Moos e família.

*Nome alterado por segurança.

Pedidos de oração

  • Peça para que o Senhor dê paz e conforto à família de Moos, apesar do que aconteceu.
  • Clame para que o Senhor supra todas as necessidades da família.
  • Interceda para que ele use seu povo para ministrar à família de Moos e a outras famílias da aldeia que se abalaram por causa desse ataque.
  • Ore pelo fortalecimento da fé de Moos, de sua família e das outras dez famílias cristãs. Que eles continuem a se apegar a Deus e ter paz nele.

Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE