Efeitos da prisão sobre os cristãos perseguidos

Apesar de não ter sido presa, Darya* enfrentou lutas ao ver grande parte da igreja reclusa e perdendo as esperanças

Portas Abertas • 1 fev 2018


Muitos cristãos perseguidos já começam a ser perseguidos logo no começo de sua conversão (Foto representativa por razões de segurança)

Muitos cristãos perseguidos já começam a ser perseguidos logo no começo de sua conversão (Foto representativa por razões de segurança)

Darya é uma jovem que foi evangelizada por um grupo de cristãos em sua cidade. Assim que se converteu, ela começou a participar da evangelização e plantação de igrejas. Quando a reunião de um grupo de cristãos foi interferida pelas autoridades, Darya diz que, de alguma forma, ficou decepcionada com o Senhor. “Por que ele não nos protegeu disso?”, perguntava-se.

Quando os cristãos foram soltos, Darya se decepcionou ao encontrá-los. “Eu esperava encontrar meus velhos amigos da igreja ainda mais apaixonados e ativos já que estavam livres para evangelizar. Mas, em vez disso, encontrei-os deprimidos e silenciosos, sem o desejo de servir o Senhor. O sofrimento deles também teve um grande efeito sobre mim”.

Darya, juntamente com Saman* (que havia compartilhado a palavra com ela e sido presa pouco tempo depois, como contamos ontem), foi convidada a se juntar ao programa de aconselhamento pós-trauma para ex-prisioneiros organizado pela Portas Abertas. “Por si só o convite já nos encorajou. Apenas o fato de que alguém estava pensando em nós e queria cuidar de nós já foi suficiente”, diz.

Ela é grata pelos benefícios que o aconselhamento trouxe para sua vida, dizendo: “É tão bom ver meus companheiros da igreja aqui. Eu vejo como eles estão revigorados e como a fé está melhorando. A minha também”. Ore para que haja mais testemunhos como esse, de cristãos perseguidos e presos no Irã recebendo a cura e o renovo do Senhor.

*Nomes alterados por segurança.

Leia mais:
Livre da prisão, cristã iraniana recebe aconselhamento

Leia também:
Mais dois cristãos presos no Irã
Cristãos são libertos no Irã

Sobre nós

A Portas Abertas é uma organização cristã internacional e interdenominacional, fundada pelo Irmão André, em 1955. Hoje, atua em mais de 60 países apoiando cristãos perseguidos por causa da fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2024 Todos os direitos reservados

Home
Lista mundial
Doe
Fale conosco