Rejeitado pela família, acolhido pela Igreja

| 01/07/2013 - 00:00



""Ainda que me abandonem pai e mãe, o Senhor me acolherá."" Salmos 27.10

""Meu nome é Musa Barau. Segui o islamismo desde o dia em que nasci, porque fui criado em uma família muçulmana. Entretanto, um dia, aceitei a Cristo como meu senhor e salvador pessoal. Minha conversão deixou meus familiares tão irados que quiseram me excluir da família – alguns até quiseram me matar. Com isso, decidi sair de casa e morar sozinho.

Numa certa tarde, eu voltava de carro para a minha nova casa, localizada num bairro cristão. Eu vinha de uma reunião de oração, quando fui surpreendido e sequestrado por fundamentalistas. Eles sabiam que eu havia me convertido ao cristianismo. Os homens me tiraram do carro, me agrediram, injetaram veneno em mim e me largaram na rua.

Caído e inconsciente, minha figura chamava a atenção dos que por ali passaram. Algumas pessoas me prestaram socorro e fui levado imediatamente para a UTI. Depois de uma semana de cuidados intensivos e tratamento médico, recebi alta do hospital. A minha sobrevivência foi um verdadeiro milagre! Minha saúde melhorou muito desde o ataque, e pude continuar a crescer no conhecimento de Jesus.""

Pedidos de oração

  • Peça a Deus que sua presença e graça acompanhem os ex-muçulmanos que são rejeitados por suas famílias e amigos por causa de sua fé.
  • Ore para que Deus abençoe os projetos da Portas Abertas voltados para os ex-muçulmanos na Nigéria.

Faça download do material e participe da intercessão por irmãos e irmãs que precisam permanecer firmes em meio às hostilidades e ataques contra a fé cristã. Apoie o corpo de Cristo nos países onde servir a Deus é visto como um insulto a outras religiões ou ao governo. A Igreja Perseguida conta com você!


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2022 Todos os direitos reservados

Home
Lista mundial
Doe
Fale conosco