Igreja é reaberta na Arábia Saudita

Em ocasião da visita de líder cristão libanês, o herdeiro do trono saudita reabre uma igreja

| 22/11/2017 - 00:00


homens-caminhando-arabia-sudita

O príncipe da Arábia Saudita, Mohammed bin Salman, teria anunciado planos para restaurar e reabrir uma igreja de 900 anos como "presente" ao líder cristão libanês, Bechara Boutros al-Rai, que visita o país. A igreja deve ser usada como um centro de diálogo inter-religioso, de acordo com a agência de notícias Fides. Bechara esteve na Arábia Saudita apesar das tensões entre os dois países após a demissão do primeiro-ministro do Líbano, Saad Hariri, em Riade, no dia 4 de novembro. 

De acordo com o jornal Alrai, do Kuwait, a visita do líder revela uma "nova Arábia Saudita", onde "o diálogo entre civilizações e religiões, entre muçulmanos e cristãos" pode ocorrer. As visitas dos líderes da igreja à Arábia Saudita sempre foram muito raras. O país é conhecido por sua interpretação conservadora do islamismo, embora a monarquia pareça estar mudando isso. 

A situação atual 

Atualmente, não há igrejas oficiais na Arábia Saudita e os milhares de cristãos que trabalham têm que viver "como pessoas neutras ou como muçulmanos", disse o cristão libanês, Danny Nasrallah, ao New York Times. "Se sentir vontade de orar, você tem que orar em seu coração", disse ele. Nasrallah disse que o encontro do patriarca com o rei Salman e o herdeiro do trono foi "um bom presságio para onde o Reino está indo". 

No entanto, outros alertaram que este "presente" não deve desviar a atenção e perder de vista o papel essencial da Arábia Saudita no conflito no Iêmen, em que civis enfrentam o peso da violência. "Foi chocante ver o impacto terrível desse conflito criado pelo homem. Na ausência de progressos substanciais, a situação piorará. O sofrimento humano, já extremo, continuará crescendo", disse Mark Lowcock, secretario geral das Nações Unidas para Assuntos Humanitários. 

Pedidos de Oração

• Coloque diante de Deus os cristãos sauditas. Que Deus os proteja e os fortaleça a cada dia.

• Agradeça a Deus por esse avanço de paz no país. Peça a ele para guiar os líderes e as autoridades.

• Ore pelo fim dos conflitos entre a Arábia Saudita e outros países, onde civis sofrem por causa da guerra. 

Leia também

País permite discurso de ódio em documentos oficiais

Livros didáticos incentivam hostilidade contra religiões


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE