Mulheres norte-coreanas alcançadas na China

Mesmo correndo perigo, elas participam de reuniões de discipulado mensais para cristãs perseguidas

| 23/01/2018 - 00:00

Mulheres piedosas e cheias de fé

Mulheres piedosas e cheias de fé


A maioria dos norte-coreanos que foge para a China pode permanecer no país só alguns dias ou semanas. A única exceção são as mulheres que casam (ou são forçadas a casar) com homens chineses. A cada ano, a Portas Abertas alcança cerca de 200 dessas mulheres que são traficadas da Coreia do Norte.

Na China, através de nossos colaboradores de campo, realizamos reuniões mensais de mulheres, através das quais oferecemos cuidado pastoral e estudos bíblicos a cristãs perseguidas pela fé. Como são imigrantes ilegais na China, é muito perigoso para elas se locomover para os lugares de reuniões. No entanto, as mulheres se arriscam para ouvir mais sobre Jesus, a única esperança.

Um dos nossos colaboradores locais diz que muitas delas chegam como “bebês” na fé, que acabaram de começar a ler a Bíblia. Oremos para que o número de líderes para ministrar a elas aumente e assim haja mais oportunidades de discipulado e fortalecimento na fé. Peça também pela segurança dessas corajosas mulheres, que têm fome de Deus.

Revista Portas Abertas
A revista deste mês fala sobre a necessidade e oportunidades de treinamento para os cristãos da Igreja Perseguida da Coreia do Norte. Assine a revista e conheça mais histórias edificantes de projetos que são desenvolvidos e vidas alcançadas, e saiba como se envolver.

Leia também:
O segredo da Igreja Perseguida na Coreia do Norte
Consequências de ser cristão na Coreia do Norte
Coreia Do Norte X Afeganistão


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE