Evangélicos pedem revogação de medida discriminatória

| 21/07/2004 - 00:00


A Federação Argentina de Igrejas Evangélicas (Faie) pediu ao secretário de Culto da Nação, Guillermo Olivieri, a imediata revogação de resolução desse organismo estabelecendo que as filiais de uma igreja legalmente reconhecida devem solicitar nova autorização e que seus dirigentes apresentem atestado mostrando que eles não têm antecedentes criminais.

A Faie assinala que em janeiro desse ano apresentou petição ao Secretário de Culto, em conjunto com as outras duas federações de igrejas evangélicas que integram o Conselho Nacional Cristão Evangélico (CNCE), quando lhes foi assegurado que a resolução seria modificada rapidamente, o que não aconteceu, e por isso, agora, recorrem a um requerimento formal.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

© 2022 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE