Ministério Público determina busca de pastor desaparecido em 1989

| 10/03/2005 - 00:00


O Ministério Público ordenou a busca dos restos mortais
do pastor Jorge Párraga Castillo, da Igreja Evangélica Peruana (IEP), numa
base militar de Manta, desativada. O pastor desapareceu há mais de 15 anos.

No dia 23 de outubro de 1989, Párraga e outras pessoas foram detidas por patrulha do Exército na localidade de Atcas, província de Yauyos, a cerca de 150 Km a sudeste de Lima. O grupo foi conduzido pelos soldados a destino conhecido.

A esposa de Párraga e o Conselho Nacional Evangélico do Peru (CONEP) se
enfronharam numa série de buscas e trâmites judiciais para que as autoridades informassem acerca da prisão do pastor, mas os resultados sempre foram negativos.

A denúncia chegou à Comissão Interamericana de Direitos Humanos, entidade
com a qual o Estado chegou a um acordo amistoso, em 2001, comprometendo-se a
realizar as investigações de cerca de 150 casos de violações dos direitos
humanos, entre os quais se encontra o desaparecimento do pastor Párraga.

A Associação Paz e Esperança informou, finalmente, que o Ministério Público
ordenou que seja realizada a exumação de cadáveres na antiga Base Militar de
Manta, no departamento de Huancavelica, vizinho a Yauyos.

Ali, provavelmente o pasto foi enterrado clandestinamente, depois de ter sido assassinado por soldados do Exército.

A Associação Paz e Esperança invocou a comunidade evangélica para que acompanhe os
familiares de Jorge Párraga e de outras pessoas cujos restos estariam nessa ex-base militar, e para que permaneça vigilante a fim de que esse crime possa ser esclarecido, os autores investigados e sancionados, e os familiares reparados devidamente.

A busca será realizada através do Departamento Especializado em
Desaparecimentos Forçados e do Instituto de Medicina Legal.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE