Autoridades uzbeques fecham duas igrejas

| 20/05/2006 - 00:00


O governo uzbeque disse no dia 17 de maio que iria fechar duas igrejas protestantes na cidade de Samarkand. Essa atitude é a última de uma série que busca expulsar instituições estrangeiras do Estado ex-soviético.

Uma igreja Adventista do Sétimo Dia e outra, dirigida por um pastor coreano, foram fechadas por violações regulares da lei que rege organizações religiosas e evangelismo ilegal. A resolução foi emitida pelo Ministério da Justiça na quarta-feira.

O governo do presidente Islam Karimov intensificou a repressão a muçulmanos pacíficos e aos seguidores de outras religiões que praticam sua fé fora das instituições aprovadas pelo governo. O governo do presidente Karimov tem sido rejeitado e isolado cada vez mais pelo Ocidente, por causa da repressão violenta aos protestos feitos em Andijan há um ano.

No dia 15 de maio, um tribunal na cidade de Kokand fechou uma filial do grupo de socorro norte-americano Troca Livre da Ásia Central, que exigia que os beneficiados com sua ajuda humanitária se convertessem ao cristianismo.

No mês passado, a polícia invadiu reuniões dos Testemunhas de Jeová em sete cidade uzbeques, enquanto outro grupo norte-americano, Envolvimento Global Através da Educação, foi multado por tentativa de converter moradores à religião de caráter protestante".

As autoridades uzbeques iniciaram uma campanha inflamada contra grupos de ajuda e grupos de mídia ocidentais. Elas os acusam de apoiar militantes islâmicos e de nutrir uma "revolução colorida" - um termo aplicado a outros Estado ex-soviéticos onde protestos em massa ajudam a levar pessoas da oposição ao poder.

Karimov é um ex-funcionário do comunismo. Ele governa o Uzbequistão - país predominantemente muçulmano - há 17 anos com punho de ferro, e já prendeu milhares de muçulmanos do extremismo islâmico.

A Comissão norte-americana de Liberdade Religiosa Internacional mencionou recentemente o Uzbequistão como um "país de preocupação específica", engajado na violação "sistemática e flagrante" dos direitos religiosos.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE