Condenado por morte de missionário é absolvido de outra acusação

| 01/11/2006 - 00:00


Juízes do Estado de Orissa, no leste da Índia, consideraram que Dara Singh, condenado pelo assassinato do missionário Graham Staines, não é culpado pela morte do muçulmano Shaikh Imam. O tribunal considerou que não há evidências contra Dara Singh, cujo nome verdadeiro é Rabindra Kumal Pal. Ele é acusado de ter praticado o crime junto com 13 pessoas.

Um criminoso ateou fogo no caminhão de Shaikh Imam, que morreu queimado em 15 de setembro de 1998. De acordo com declarações de testemunhas, o acusado parou o caminhão de Shaikh, que transportava búfalos, e depois de retirar os animais incendiou o veículo. Shaikh morreu no hospital.

Dara Singh foi condenado por uma corte de Orissa por liderar um ataque no distrito de Keonjhar que casou a morte de um missionário australiano e de seus filhos de 7 e 9 anos em 23 de janeiro de 1999. Os três foram queimados vivos. A corte sentenciou Dara Singh à morte por triplo assassinato em 22 de setembro de 2003. Outros 12 homens foram sentenciados por serem cúmplices no crime.

Entretanto, a Suprema Corte do Estado comutou a pena para prisão perpétua, no dia 19 de maio de 2005, e libertou 11 dos outros acusados.

Passo para a libertação

Agora a Suprema Corte aceitou ouvir Dara Singh em seu apelo por redução de sentença.

O ativista nacionalista hindu, entretanto, permanece preso aguardando o julgamento pelos assassinatos de Arul Doss, um sacerdote católico, e Shaikh Rehman, um comerciante muçulmano de Padiabeda.

Para alguns analistas, a sentença de proferida pelos juízes de Orissa é o primeiro passo para a redução da pena e, posteriormente, a libertação de Dara Singh.

Os ramos mais extremos do nacionalismo hindu o consideram um herói por sua tentativa de "limpar a Índia de todos os infiéis".


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2023 Todos os direitos reservados

Home
Lista mundial
Doe
Fale conosco