Cristãos indianos comemoram libertação de missionário

| 06/07/2007 - 00:00


Líderes evangélicos de Hyderabad, na Índia, estão agradecendo ao Senhor pela libertação de um missionário da Faculdade Bíblica GFA. Ele havia sido preso por passar um filme sobre a vida de Jesus. Apesar das acusações sem consistência, a polícia determinou um pagamento de fiança no valor de US$ 24.81 (R$ 49,00) para que ele fosse solto.

A prisão do pastor aconteceu depois que ele e outras cinco missionárias cristãs passaram o dia todo compartilhando o Evangelho de Cristo, distribuindo livros e visitando casas em uma vila na região central de Andhra Pradesh.

No final do dia, os missionários ficaram surpresos quando cerca de 1000 pessoas se reuniram para assistir a um filme sobre a vida de Jesus. Eles não esperavam mais de 200 pessoas.

Durante a exibição, policiais cercaram a área, mas disseram tratar-se de uma ação de rotina. No entanto, alguns homens fardados começaram a confrontar as missionárias cristãs.

Depois registraram uma queixa contra o pastor por tentativa de conversão forçada, confiscaram o telefone celular de um dos membros da equipe e o prenderam.

“Os policiais ordenaram que todas as coisas que estavam em nosso veículo, como equipamento para a transmissão do filme e livros fossem apreendidos e permanecessem na vila”, disse um dos membros da equipe à ANS.

Felizmente as missionárias rapidamente guardaram todos os equipamentos e se abrigaram em uma igreja próxima, nas redondezas.

Assim que o líder da vila soube da prisão do pastor, ele pediu para que a polícia o libertasse.

Líderes da GFA pedem para que os cristãos louvem a Deus pela libertação dele e continuem orando por esse ministério, uma vez que a carência das pessoas por Jesus é grande e a sede de ouvir a Palavra também.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE