Dalits de Orissa precisam de orações

Famintos em saber mais sobre Jesus, um número considerável de dalits (casta considerada impura para os hindus) em uma aldeia em Orissa, Índia, tem sido  assistido por dois missionários.

Por causa de Jesus, muitos desses dalits estão experimentando uma transformação maravilhosa em suas vidas, mas um exemplo recente de intimidação por questões de casta deixou uma atmosfera especialmente tensa na aldeia e alguns estão com medo de participar de atividades cristãs.

O incidente aconteceu quando membros de duas famílias dalits se recusaram a batucar diariamente os tambores, como parte de uma cerimônia religiosa em um templo local.

Quando as duas famílias se recusaram a manter a tradição de tocar os tambores, a comunidade de castas superiores da região se enfureceu. 

Vários aldeões invadiam e saquearam as casas dessas duas famílias, que por sua vez, foram removidas de onde viviam.

Apesar de o atentado ter ocorrido há vários meses, a atmosfera na região continua tensa.

Orissa é um Estado conhecido pela perseguição de cristãos. É o lugar onde foram martirizados o missionário Graham Staines e seus dois filhos.

Pedidos de intercessão

A polícia na área está atenta às atividades dos missionários da Gospel For Asia (GFA) que compartilham as boas novas na aldeia, uma vez que circulam rumores de que os dalits daquele Estado estão sendo convertidos por aliciamento e promessas de benefícios.

No entanto, para esses dalits e outros que estão ouvindo a respeito de Jesus, a decisão de receber e seguir Cristo é uma escolha.

No meio da opressão em que eles vivem por causa da casta a qual pertencem, muitos estão achando esperança e alegria em um Salvador que os aprecia e os conhece pelo nome.

Líderes da GFA pedem oração pelos tocadores de tambores dalits e pelos que deixaram de participar dos encontros com os missionários por medo. Eles também pedem oração para os dois missionários que atuam fielmente nesta área.