Pedido de oração após ameaças à Sociedade Bíblica em Gaza

| 05/08/2008 - 00:00


A Sociedade Bíblica da Palestina está pedindo orações após ter sido ameaçada de um ataque à bomba em sua Livraria da Bíblia, em Gaza, e da possibilidade de perda de todos os direitos legais de presença em Territórios Palestinos.

Na semana passada o co-proprietário do prédio onde a livraria está localizada exigiu que a Sociedade Bíblica saísse daquelas instalações. Ele afirma que recebeu uma ameaça de um militante islâmico em Gaza de explodir o prédio se a loja permanecesse ali.

Ele também está levando a Sociedade Bíblica ao tribunal para pedir que sejam tiradas dela tanto a condição de proprietária da livraria como a condição legal de continuar presente em Territórios Palestinos.

Na última sexta-feira (25 de julho), um militante islâmico foi morto na cidade de Gaza quando colocava uma bomba junto à porta de um café de internet, cujo proprietário era cristão.

Recado da SBB

Em uma declaração, a Sociedade Bíblica convida os cristãos de todo o mundo a “levarem a família cristã em Gaza diante de Deus em oração para que eles continuem fortes e fiéis frente à perseguição.”

As ameaças surgidas na semana passada vêm após uma seqüência de eventos trágicos. Em outubro passado, o gerente da loja da Sociedade Bíblica em Gaza, Rami Ayyad, foi seqüestrado e morto (relembre). Desde essa data a loja permaneceu fechada. Em abril de 2007, a livraria foi um dos três alvos de ataque à bomba na cidade de Gaza.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2022 Todos os direitos reservados

Home
Lista mundial
Doe
Fale conosco