Impunidade gera ataque a cristãos

| 05/09/2008 - 00:00


Uma desavença entre quatro muçulmanos paquistaneses e um idoso cristão resultou no assassinato de sua esposa.

Noban Bibi, 65, foi assassinada em 2 de julho, na vila de Khraper, província de Kasur. Por ser cristão, seu marido, Dara Masih, 85, não conseguiu processar os assassinos.

Em janeiro, Yaqub Sharif e Hadayat Ali arrombaram a casa do casal e roubaram jóias de ouro e 15 mil rúpias paquistanesas (US$ 200).

Dara exigiu que os assaltantes devolvessem os itens roubados, senão iria processá-los. Os dois acusados ameaçaram matá-lo.

No dia 2 de julho, às 2h30, Yaqub, Hadayat e mais duas pessoas não-identificadas entraram na casa de Dara e mataram Noban com uma enxada.

Apesar das ameaças, Dara registrou o assassinato na delegacia local. Mas ele não conseguiu convencer o delegado a prender Yaqub e Hadayat, pois havia subornado para não prendê-los.

Dara levou então o caso para a delegacia do distrito, o qual prendeu os dois suspeitos. No entanto, eles não foram processados formalmente.

Proteção de políticos

“Esses dois assassinos pensaram: ‘ não têm voz. Não vai acontecer nada se fizermos alguma coisa’”, disse Sohail, assistente social e coordenador do Ministério Paquistanês Compartilhando Vida (MPCV), uma organização não-governamental que ampara prisioneiros cristãos na província de Punjab.

“Os muçulmanos acham que os cristãos são como ovelhas, sem qualquer importância”, complementa.

Para Sohail, os culpados escolheram roubar o casal por acreditar que o sistema legal paquistanês não iria processá-los por assassinar cristãos. A ligação dos suspeitos com a máfia e com políticos serviu para lhes dar mais audácia.

Conforme Shazhad Kamran, outro assistente social da MPCV, Yaqub e Hadayat são membros de uma organização criminosa e têm laços com políticos locais e nacionais, os quais eles usam para influenciar o sistema judiciário em seu favor.

Ele acrescenta: “No Paquistão, políticos sempre precisam de criminosos para que seu poder seja firmado em uma determinada região. Eles sempre dependem dos criminosos, e estes dependem dos políticos para salvá-los”.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE