Termina o julgamento de oito cristãos no Vietnã

Milhares de católicos receberam com alegria a decisão do julgamento de oito cristãos acusados de perturbar ordem pública e danificar a propriedade pública, na tarde de 8 de dezembro.

Os oito foram considerados culpados: sete deles foram condenados à prisão condicional; o outro foi libertado, com uma advertência.

O padre Pierre Nguyen Van Khai foi o único clérigo que teve permissão para assistir ao julgamento, que durou 7 horas.

Segundo ele, Nguyen Thi Nhi, 46, uma mulher da etnia muong, recebeu sentença de 17 meses de prisão condicional por perturbar a ordem pública; outros seis réus, entre 31 e 63 anos, foram condenados de 12 a 15 meses de prisão condicional por perturbar a ordem pública e danificar propriedade pública.

O réu mais jovem, Thai Thanh Hai, 21 anos, recebeu apenas um advertência.