Igreja sofre novas ameaças de grupo radical

| 26/03/2009 - 00:00


Por meio das ações institucionais da Portas Abertas Internacional, a Igreja Cristã Batista Jacarta (GKBJ) em Tangerang foi reaberta em junho de 2008.

Em novembro do mesmo ano, os mais de 70 membros – incluindo crianças – mudaram para um novo local, para continuar a cultuar normalmente. Desde então, a igreja tem experimentado uma boa convivência com o Islamic Defenders Front (FPI),  grupo que se opunha a eles anteriormente.

Saiba mais sobre esse caso.

Infelizmente a paz durou pouco. No domingo, dia 22 de março, mais de 100 membros do Hizbut Tahrir (grupo muçulmano considerado radical), se reuniram em frente às dependências da igreja. Eles distribuíram folhetos aos vizinhos e transeuntes para “alertá-los” sobre a tentativa da igreja de convertê-los. Também exigiram que a igreja fosse fechada.

Durante essa semana, o FPI irá negociar com o Hizbut Tahrir em nome da igreja. “Por favor, orem para que a reunião seja bem-sucedida, para que a congregação fique tranquila e para que a situação volte ao normal”, pediu o pastor Bedali Hulu. “Eu acredito que o Senhor permite que passemos por provas para que nos aproximemos dele.”

Pedidos de oração

• Ore pela igreja Cristã Batista Jacarta (GKBJ). Peça ao Senhor que mova os corações de todas as partes envolvidas na reunião com o FPI, e para que resolvam a situação o mais rápido possível.

• Ore pelos pastores e membros da igrejas, para que não desanimem, mas permaneçam firmes em sua fé de que Deus vai interferir em favor deles.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE