Missionárias são ofendidas por grupo de garotos

| 17/06/2009 - 00:00


Três missionárias da Gospel for Asia foram  agredidas por um grupo de cerca de 30 garotos. Chameli, Harshita e Vinaya estavam distribuindo folhetos e compartilhando o amor de Jesus em uma cidade costeira da Índia quando aconteceu o incidente.

Naquele dia elas já estavam trabalhando tranquilamente com a comunidade, até que dois garotos se aproximaram, querendo saber se as mulheres estavam ali para converter as pessoas.

Eles foram em direção a elas com toda força, pegaram os folhetos e começaram a bater na cabeça de Harshita e Vinaya com eles. Chameli, a outra mulher, tentou acalmar os meninos, mas eles estavam tão enfurecidos que começaram a ofender as mulheres, chamando-as de prostitutas.

Eles rasgaram todos os folhetos que as mulheres estavam carregando e jogaram os pedaços no ar.

Chameli, Harshita e Vinaya tentaram fugir para outro local, mas viram mais dois garotos na frente delas. Quando elas olharam em volta, viram mais meninos. Logo, o grupo cresceu tanto que cerca de 30 garotos as cercaram e ofenderam.

Isso durou mais de meia hora, e os garotos não deixaram as mulheres irem embora. Elas ligaram para Rushil, um pastor do distrito, e ele foi ajudá-las. Quando o pastor chegou, eles começaram a ofendê-lo também.

De algum modo, Rushil conseguiu ajudar as mulheres a escapar em segurança. “Apesar de esse incidente ter traumatizado nossas irmãs, elas continuarão o ministério, com a esperança de que aqueles que se opõem ao evangelho possam aceitar ao Senhor logo”.

Equipes de mulheres assim podem ser muito efetivas em alcançar outras mulheres com as Boas Novas do amor de Cristo. É mais difícil para os homens por causa das restrições culturais. Essas equipes têm tocado a vida de muitas mulheres, mostrando como são valiosas para Jesus.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE