Cristãos de vilarejo são presos sem explicações

A polícia no Laos prendeu 13 cristãos no dia 12 de junho de 2009.

Os cristãos estavam trabalhando em um vilarejo quando foram interrogados pela polícia. Os oficiais não deram nenhuma explicação pela prisão, ou pela detenção constante de cristãos na delegacia da região.

O governo laosiano aplica restrições pesadas para a maioria dos grupos religiosos, enquanto promovem o budismo e organizações budistas. Neste ano, o país ocupa a 8ª posição na Classificação de países por perseguição, sendo um dos lugares onde ser cristão envolve muitos riscos. As autoridades prenderam, assassinaram e negaram comida aos cristãos e famílias, para pressioná-los a negar a fé.

De acordo com a CIA, 67% da população laosiana é budista. Somente 1,5% é cristã.

Ore para que Deus proteja os cristãos no país e lhes dê ousadia para pregar o evangelho.