Governo inicia negociações para a libertação de reféns

| 13/01/2010 - 00:00


O governo do Iêmen iniciou as negociações para a libertação dos seis cristãos sequestrados em junho.

De acordo com  o Ministro Abu Bakr al-Qirbi, uma família alemã de cinco pessoas e um engenheiro inglês são reféns na província de Saada, no norte do país.

Johannes e Sabine Hentschel (ambos com 37 anos de idade), e seus filhos Lídia (5), Anna (3), e Simon (1), assim como o engenheiro foram sequestrados a seis meses atrás durante um passeio em Saada. Eles estavam com duas alunas de escola bíblica e uma professora sul-coreana. Eles foram encontrados mortos no dia 12 de junho. Os nove cristãos trabalhavam no hospital de Al Jumhuri, em Saada.

O ministro alemão Guido Westerwelle realizou uma visita surpresa ao Iêmen. Após uma reunião com o presidente Ali Abdullah Saleh, em 11 de janeiro, o ministro Guido aos jornalistas que o governo iemenita tinha recebido novas informações sobre o paradeiro dos reféns. Se a informação estivesse correta, seria uma “ótima notícia”.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2022 Todos os direitos reservados

Home
Lista mundial
Doe
Fale conosco