Diretor da Associação cristã nigeriana é sequestrado após culto

| 27/01/2010 - 00:00


O arcebispo anglicano da diocese de Benin, em Edo, estado da Nigéria, ainda permanece cativo, depois que os criminosos o sequestraram no domingo, 24 de janeiro.

Peter Imasuen, que também é o diretor estadual da Associação Cristã da Nigéria (CAN), foi sequestrado na frente de sua casa, quando voltava de um culto. Os sequestradores pediram um resgate de US$ 750.000.

Os homens armados seguiram o cristão desde a catedral Saint Matthew até sua residência, onde o arrancaram de seu carro e o levaram para um local desconhecido.

Os membros executivos da CAN, liderados por Richard Ofere, se encontraram na segunda-feira com o governador Adams Oshiomhole, para falar sobre o sequestro. Eles se recusaram a fornecer qualquer informação para a imprensa, mas acredita-se que a questão esteja sendo discutida com familiares e oficiais do governo.

O governador Oshiomhole condenou o sequestro, que atribuiu à retirada dos soldados do governo federal de um programa de segurança chamado “Operação Thunderstorm”, designada para ajudar a frustrar a violência militante e os sequestradores.

Ele prometeu se reunir com oficiais do presidente para discutir sobre o aumento da segurança no Estado e assegurar que o bispo seja liberado em breve. A identidade dos criminosos não está clara.

Saiba mais sobre os recentes ataques anticristãos na Nigéria.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE