Mulheres brasileiras engajadas com a causa da Igreja Perseguida

| 08/03/2010 - 00:00


 “Nesse mês que comemoramos o Dia Internacional da Mulher, só tenho a agradecer a Deus pelas centenas de mulheres brasileiras que se engajaram em favor das mulheres da Igreja Perseguida”. Com esse agradecimento, Elizabeth Banov, coordenadora do “Mulheres do Caminho” – ministério da Portas Abertas, iniciou seu relato sobre os quatro dias que passou na cidade de Araçatuba, no interior de São Paulo, divulgando o trabalho. Durante esses dias, Elizabeth visitou a Comunidade Evangélica Luterana, a Associação Peniel, Igreja Cristã Cruzada Evangelização e a 2ª. Igreja Presbiteriana Independente.

“Tive a oportunidade de falar também sobre o Ministério na rádio FM Boas Novas, em entrevista que durou 1 hora”, alegra-se Elizabeth. As igrejas visitadas já conheciam o trabalho da Missão Portas Abertas, mas não o ministério de mulheres. Segundo a coordenadora, o Ministério foi muito bem aceito, com um número expressivo de adesões e de renovações de cadastros.

Em todos os locais visitados houve interesse das mulheres em receber mais informações e de saber como envolver-se nesse ministério.

“Tivemos momentos de oração e intercessão pelas mulheres da Igreja Perseguida e um dos mais marcantes aconteceu na reunião de senhoras da Associação Peniel”, emociona-se Elizabeth. Elas formam um grupo interdenominacional que se reúne com o único intento de orar e agradecer a Deus por suas dádivas na semana.

Através desse ministério, Deus tem levantado mulheres comprometidas a orar simplesmente porque crêem que a oração fará grande diferença na vida das mulheres que vivem em países onde é extremamente perigoso e difícil professar a fé em Jesus Cristo. Desde junho do ano passado, quando teve início no Brasil, o “Mulheres do Caminho” já conta com mais de mil mulheres cadastradas, fato comemorado por Elizabeth. “Formamos um grande clamor através da oração. E sabemos que isso faz toda a diferença para nossas irmãs nos quatro cantos da terra”, finaliza a coordenadora.

Aniversário – em maio será comemorado o aniversário de um ano desse ministério. Para celebrar essa data, a Missão Portas Abertas receberá Didi Coman, uma holandesa com grande experiência e atuação junto às mulheres da Igreja Perseguida. O encontro será em São Paulo.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2023 Todos os direitos reservados

Home
Lista mundial
Doe
Fale conosco