Igreja em Tizi Ouzou é proibida de expandir templo

| 09/09/2010 - 00:00


Em 9 de setembro, quinta-feira, chega ao fim o ultimato dado pela autoridades de Tizi Ouzou; a igreja terá de derrubar parte do prédio recentemente construído. Os membros da igreja e conselho estão angustiados com a situação e não sabem o que fazer.

A igreja está no bairro já há vários anos e devido ao crescimento da congregação, o templo existente não comporta o número de visitantes. Os membros da igreja ficam nas brechas da porta para conseguir um vislumbre do culto. Telas de TV também foram espalhadas em outras salas do edifício para permitir que mais pessoas assistam à reunião.

O conselho da igreja fez planos de ampliar o templo e depois de levantada a grande soma de € 15.000 mil euros, o processo de construção começou na primaverade 2010. As modificações criam novas salas para a escola dominical e ampliam o salão da igreja para que caiba em torno de mil pessoas. Dentro do local havia poucas vagas de estacionamento, mas esses lotes são abandonados e as áreas, com cerca de 6m² x 15m², agora serão cobertas, criando uma sala extra. No primeiro andar também farão alterações para tornar o edifício um espaço prático para o culto semanal e reuniões da igreja.

A permissão para a construção foi apresentada para as autoridades locais assim que o processo de construção começou, na primaverade 2010. Consta que esta é uma prática comum na Argélia, especialmente quando não é um edifício completamente novo, mas apenas uma extensão de um já existente.

A situação, no entanto, parece não ser tão fácil, e durante o processo de construção tornou-se claro que as autoridades não concederiam a permissão facilmente. Por fim, eles não a concederam e, em 1º de setembro, a Igreja foi intimidada a esvaziar os anexos recém-construídos da igreja dentro de um prazo de oito dias.

O ultimato termina em 9 de setembro e as autoridades afirmaram que demolirão as extensões feitas para o edifício da igreja.

Pedidos de oração:

-Por favor, ore para que uma solução venha sobre este assunto. Ore para que o conselho e as autoridades cheguem a um acordo.

-Ore para que a igreja não seja forçada a derrubar a construção e ore pelas autoridades para que não usem de força para diminuir o tamanho do templo.

-Ore por paz nos corações dos membros e visitantes da igreja.

-Ore também para que isso não cause tensão entre muçulmanos e cristãos na vizinhança e cidade.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE