Hezbollah implanta 3.500 militantes em áreas cristãs

| 30/09/2010 - 00:00


O Tribunal Especial libanês que criado para investigar o assassinato do primeiro ministro do Líbano, Rafiq Hariri, em fevereiro 2005, em breve se pronunciará. É amplamente esperado que o tribunal indicie o Hezbollah, um importante grupo militar e político muçulmano xiita que se preparava para um golpe de Estado violento, a Síria e os chefes da inteligência libanesa.

Relatórios e provas locais indicam que o golpe de Estado planejado pelo Hezbollah (semelhante ao realizado em maio 2008) tinha intenção de impedir o tribunal de cumprir o seu mandato.

O Hezbollah já teria implantado cerca de 3.500 militantes no interior das áreas cristãs ao norte da capital Beirute. Esses homens estão posicionados para sitiar as casas dos adversários cristãos de Hezbollah,  tendo residência em casas adquiridas por meio de cristãos aliados do Free Patriotic Movement (Movimento Patriótico Livre).

Em caso de conflito, tanto os cristãos aliados quanto os adversários irão para um confronto direto, em um ato patrocinado pelo próprio Hezbollah para uma autodestruição cristã.

Pedidos de oração:

•    Ore para que todos os cristãos libaneses busquem o Senhor.

•    Ore por proteção para os cristãos locais.

•    Ore pelo fim dos conflitos entre os cristãos.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE