Cristãos colombianos da Casa Visão Ágape: Jackeline Londoño

| 11/09/2010 - 00:00


Em 1998, Mitú (capital de Vaupés, um departamento na Colômbia) foi tomada pela guerrilha. Após o ataque da guerrilha o resultado foi de muitos mortos e as consequências para a cidade, onde a maioria da sua população pertence ao grupo indígena Barasano, ao qual pertence a família de Jackeline, hoje com 18 anos.
A guerrilha matou seu pai, "Clemente", há oito anos. Ele era o líder cristão de comunidade e foi acusado de ajudar o exército.

Desde aquele momento as circunstâncias e a vida mudou para a família de Jackeline, que para proteger as suas vidas tiveram que deixar suas terras e se deslocarem para outra cidade mais próxima.

O deslocamento forçado trouxe consigo muitas perdas. Uma mãe sozinha com cinco crianças ameaçadas e em risco de morte. Foi através do tio de Jackeline, que estava em Villavicencio estudando no Instituto Bíblico indígena que a família soube sobre Casa Abrigo.

Jackeline fala muito pouco sobre a perda do pai ou as mudanças que foi submetida. Desde que chegou à Casa Abrigo, há oito anos, ela foi visitar a família em três oportunidades, mas toda vez que sai, é assumido o risco de não existir volta devido às circunstâncias econômicas e de segurança. Suas famílias não contam com recursos para ajudá-la.

Desde que ela está aqui é a instituição que apoia as suas despesas pessoas incluindo as despesas de sua visita a sua família.

Clique aqui e encoraje-a enviando uma carta!


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE