Cristãos são vendidos no Sinai

| 14/12/2010 - 00:00


Cerca de 100 dos 250 refugiados eritreus cristãos mantidos como reféns de traficantes beduínos no deserto do Sinai foram transferidos durante a noite.

Os eritreus são parte de um grupo muito maior de refugiados e requerentes de asilo provenientes do Sudão, Somália e Etiópia, presos durante um mês em condições degradantes.

Apesar do pagamento de $ 2.000 dólares americanos em passagem para Israel, essas pessoas foram mantidas reféns durante meses, na periferia de uma cidade no deserto do Sinai, em recipientes especialmente construídos , enquanto beduínos exigiam o pagamento dos traficantes de até $ 8.000 dólares americanos por pessoa para a sua libertação.

A CSW (sigla em inglês para Christian Solidarity Worldwide) soube que, antes de separar e transferir alguns dos eritreus, os traficantes rasgaram os materiais religiosos dos refugiados e os agrediram por não fazer estes pagamentos.

A exploração dos refugiados provenientes da África por traficantes no deserto do Sinai é um problema contínuo. O sequestro, tráfico de órgãos e as trocas de grupos de refugiados entre os diferentes grupos são comuns, e há uma preocupação de que os 100 eritreus foram vendidos a outros traficantes locais.

O diretor nacional da CSW, Stuart Windsor, disse: "A mais recente notícia de que alguns dos refugiados foram transferidos de repente, e sob a escuridão é profundamente preocupante. O bem-estar do restante dos refugiados também é motivo de grande preocupação.

É claro que a situação está se deteriorando rapidamente. Toda a comunidade internacional deve se mobilizar para aumentar a pressão sobre o governo egípcio a tomar medidas eficazes para libertar estas pessoas, e conceder-lhes a proteção a que têm direito como refugiados em termos do direito internacional, bem como o livre acesso à filial local da Agencia Nacional dos Direitos Humanos (tradução livre)", afirma o diretor.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE