Briga entre cristãos e muçulmanos deixa 35 mortos

Trinta e cinco pessoas morreram na semana passada em confrontos entre cristãos e muçulmanos no centro da Nigéria, informou a polícia.

Por telefone à AFP o chefe da polícia do estado de Bauchi, Abdulkadir Mohamed Indabawa declarou que “trinta e cinco pessoas morreram na quinta-feira em confrontos religiosos em Tefawa Balewa".

Os incidentes foram iniciados quando um desconhecido queimou a mesa de bilhar de um cristão, que discutia com um jovem muçulmano por dinheiro.

Durante os ataques foram destruídos cerca de 50 casas e cinco mesquitas. Eles se estenderam por horas e só terminaram com a intervenção da polícia, segundo o policial.

Bauchi é um dos 12 estados de maioria muçulmana do norte nigeriano nos quais o grupo islâmico Boko Haram provocou no ano passado uma onda de violência indiscriminada que resultou na morte de mais de 700 pessoas.