Religiosa diz que famílias moçambicanas não falam sobre tráfico de órg

Portas Abertas • 13 mai 2004


As autoridades do norte de Moçambique calam as famílias das vítimas de tráfico de órgãos, segundo a religiosa brasileira Maria Elilda dos Santos. Não há cooperação por parte dos organismos governamentais, pelo contrário, há uma vasta tentativa de dissimular o que acontece, declarou a brasileira em sua chegada ao aeroporto de Lisboa.

Leia mais no UOL

Sobre nós

A Portas Abertas é uma organização cristã internacional e interdenominacional, fundada pelo Irmão André, em 1955. Hoje, atua em mais de 60 países apoiando cristãos perseguidos por causa da fé em Jesus.

Facebook
Instagram
YouTube

© 2024 Todos os direitos reservados

Home
Lista mundial
Doe
Fale conosco