Pastores evangelizam na selva em meio às guerrilhas

Mesmo diante de perseguição, igreja colombiana permanece firme, mostrando resiliência há 15 anos

Portas Abertas • 26 jun 2018


Os filhos de Deus testemunham amor e paz em meio ao caos da guerrilha (Foto representativa por razões de segurança)

Os filhos de Deus testemunham amor e paz em meio ao caos da guerrilha (Foto representativa por razões de segurança)

Hoje vamos conhecer o testemunho do pastor Andrés*, que pastoreia uma igreja em Nuevos Montes*. Lá a igreja permanece como um símbolo de resistência pacífica diante da violência, intimidação e morte – e isso há 15 anos. Pastor Andrés foi discipulado pelo pastor Pablo*, cujo testemunho também conhecemos e que já esteve aqui no Brasil. Quando se converteu, seu pai também fez a decisão de deixar para trás a vida de produtores de cocaína que tinham. “Cristo foi a melhor coisa que aconteceu para nossa família, mas também foi o caminho para a perseguição”, relata.

Quem assumiu o pastorado no lugar do pastor Pablo foi o pai de Andrés, pastor Domingo*. E já começou em uma época de grande perseguição para as igrejas do sudeste do país. Quatorze igrejas tinham sido fechadas, dois pastores mortos e muitos deslocados como resultado das restrições ao evangelho impostas pelos grupos guerrilheiros.

Andrés cresceu nesse contexto de violência, mas com uma forte fé, aprendendo a resistir nos tempos de dificuldades. Assim, Andrés se tornou um evangelista e missionário, enquanto seu pai cuidava da comunidade cristã. Mas recentemente o pastor Domingo faleceu, deixando a igreja de Nuevos Montes, com cerca de 100 membros, aos cuidados do filho. Hoje Andrés e Pablo dividem o ministério na igreja e também de adentrar a selva carregando a palavra de Deus, distribuindo literatura cristã e fortalecendo irmãos e irmãs perseguidos.

Ore por esses pastores e seus ministérios. Que eles continuem sendo valentes e ousados em servir a Deus. Peça para que a Igreja Perseguida da Colômbia seja fortalecida e cresça no Senhor. A Colômbia ocupa a 49ª posição na Lista Mundial da Perseguição 2018 e nossas orações fazem diferença para que a igreja continue avançando no país.

*Nomes alterados por segurança.

Leia também
Colômbia tem novo presidente
Crianças em risco na Colômbia encontram futuro
Cristãos são alvos de gangues em Honduras e Colômbia

Sobre nós

A Portas Abertas é uma organização cristã internacional e interdenominacional, fundada pelo Irmão André, em 1955. Hoje, atua em mais de 60 países apoiando cristãos perseguidos por causa da fé em Jesus.

Facebook
Instagram
YouTube

© 2024 Todos os direitos reservados

Home
Lista mundial
Doe
Fale conosco