Primeiro-ministro reitera compromisso de seguir o Alcorão

| 04/08/2015 - 00:00


O primeiro-ministro da Malásia, Najib Razak, se defendeu das alegações de corrupção em larga escala, publicado pelo jornal Wall Street e reiterou seu compromisso de seguir uma política guiada pelo Alcorão.

Daniel, analista da Portas Abertas, comenta: ""É claro que este anúncio deve ser entendido como uma ‘declaração política’, afirmando a posição de Razak e combatendo todos os ataques da oposição. Mas devemos ter em mente também que a Malásia é um país que tem mais de um terço de cidadãos não-muçulmanos. O que eles vão pensar quando ouvirem seu primeiro-ministro dizendo que o Alcorão serve como ‘um guia para a comunidade?”

Segundo Daniel, esta declaração foi dada em uma cerimônia de inauguração de um edifício muçulmano e que Razak alegou que o local era o mais apropriado, já que está localizado em Putrajaya, o centro administrativo. “Vale lembrar que o compromisso do governo é elevar o Islã. E que a Malásia era famosa por sua tolerância”, comenta o analista.

A Malásia está na lista dos países mais hostis ao Evangelho, em 37° na Classificação da Perseguição Religiosa. De acordo com sua Constituição, ser malaio significa ser muçulmano. Os cristãos compões 9,2% da população e vivem em isolamento.

Motivos de oração
• Ore para que a igreja se estabeleça e se firme. Que os novos convertidos sejam dirigidos pelo Senhor.
• Interceda pelos cristãos malaios; que eles possam compartilhar o Evangelho.
• Ore para que as autoridades ajam com justiça com os cristãos.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2022 Todos os direitos reservados

Home
Lista mundial
Doe
Fale conosco