Qual é o Dia da Independência das Maldivas?

País não admite a cidadania a cristãos e nem a prática livre da fé diferente do islamismo

| 26/07/2021 - 06:00

A maioria dos cristãos são trabalhadores expatriados e precisam viver a fé em segredo

A maioria dos cristãos são trabalhadores expatriados e precisam viver a fé em segredo


As belezas naturais das Maldivas colocaram o arquipélago sob o domínio de portugueses, holandeses e britânicos. Mas em 1965, o país se tornou independente da Grã-Bretanha e em seguida proclamou a república. A vida dos seguidores de Cristo nas ilhas Maldivas não é semelhante aos relatos de celebridades hospedadas em luxuosos resorts. Toda a fé diferente do islamismo deve ser vivida em segredo e forte pressão sobre os seguidores de Jesus colocou o país na 15ª posição da Lista Mundial da Perseguição 2021.

Geralmente os cristãos que vivem no território são operários migrantes, vindos da Índia e Sri Lanka, e correm o risco de serem deportados se forem pegos cultuando ou conversando sobre a fé abertamente. De acordo com a Constituição do país, nenhum não muçulmano pode se tornar um cidadão das Madivas. Caso um muçulmano se converta, a cidadania é retirada e a pessoa vira réu da sharia, o conjunto de leis islâmicas.

O presidente Ibrahim Mohamed Solih melhorou as relações com outros países, como Índia e China. Por causa dessas relações, as Maldivas ganharam acesso às vacinas da COVID-19, o que levou o país a introduzir o conceito de “turismo de vacinas”. O turismo de vacinas é um programa que permite que turistas que visitam as Maldivas sejam vacinados na chegada. Isso aumentou imensamente o número de visitantes para 2021 e 2022; o que é crucial para a economia do país, pois o número de turistas caiu drasticamente em 2020 como resultado da pandemia. 

O governo atual está fazendo tudo o que pode para lidar com a pandemia, concentrando todos os seus recursos e ações para combater o vírus e estabilizar a economia. Mesmo assim, as pessoas ainda estão sofrendo. “Este é um momento crucial para orarmos. Podemos clamar a Deus e pedir ajuda. Este é o momento para a igreja se erguer e ser uma bênção, interceder pelas Maldivas e a recuperação econômica para que este seja um testemunho da bondade de Deus”, compartilhou um cristão local.

Pedidos de oração

  • No Dia da Independência das Maldivas, interceda para que a luz de Cristo brilhe no país e a população tenha a realidade mudada pelo salvador.
  • Clame para que o amor de Deus alcance governantes influentes e os encha de sabedoria e compromisso com a justiça.
  • Peça por fortalecimento a todos os cristãos que vivem no território, para que consigam testemunhar as maravilhas de pertencer a Cristo.

Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE