Relatórios mostram que o cristianismo está desaparecendo de algumas re

| 29/10/2015 - 00:00


29_OrienteMedio_0110100606

O cristianismo está praticamente desaparecendo em algumas regiões do Oriente Médio e de acordo com as informações do relatório da Associação Internacional de Ajuda à Igreja Perseguida, poderá desaparecer do Iraque, dentro de 5 anos, caso não ocorra uma intervenção significativa.

Outro relatório com o tema ""Perseguidos e Esquecidos"", do Reino Unido, diz que os cristãos estão migrando de algumas áreas do Oriente Médio e da África, onde eram numerosos até pouco tempo atrás. O principal motivo é a ameaça crescente de grupos muçulmanos militantes, que se empenham em dizimar a religião. Já em Israel e Jordânia, o número de cristãos continua crescente. ""Na África, a ascensão de radicais do islã, na Nigéria, Sudão, Quênia e Tanzânia, está claramente destinada a intimidar os cristãos, desestabilizando a sua presença"", diz um relatório.

""Grupos islâmicos apareceram do nada e exercem autoridade potente, com uma crueldade muito maior do que o das organizações radicais das quais eles surgiram, e esse é o motivo do êxodo em massa"", diz uma Instituição de caridade do Reino Unido.

Mas mesmo em sofrimento, a igreja continua crescendo até em abrigos subterrâneos, onde os cristãos se encontram para louvar a Deus e também para renovarem suas forças. Em um dos relatórios, consta uma nota otimista que diz que ""apesar de algumas partes da África e do Oriente Médio estarem se esvaziado do cristianismo, o número de seus seguidores está crescendo em todo o mundo. A situação parece ser obscura, mas a igreja está destinada a brilhar, mais e mais"".


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2022 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE