Susanna Koh recebe Prêmio Internacional Mulheres de Coragem

Ela tem sido incansável na busca por justiça no caso do desaparecimento forçado do marido, pastor Raymond Koh, na Malásia

Susanna Liew Koh, esposa do pastor Raymond Koh, recebeu o Prêmio Internacional Mulheres de Coragem por sua determinação em lutar por justiça para o marido e outras vítimas de desaparecimento forçado na Malásia. Agora em seu 14º ano, o Prêmio do Departamento de Estado dos Estados Unidos reconhece 12 mulheres em todo o mundo que demonstraram coragem e liderança excepcionais na defesa da paz, justiça, direitos humanos, igualdade de gênero e empoderamento das mulheres, muitas vezes com grande risco e sacrifício pessoal. A premiação foi realizada em 4 de março em Washington, EUA.

Susanna foi reconhecida por buscar justiça ativamente durante o inquérito público da Suhakam (Comissão de Direitos Humanos da Malásia) sobre o desaparecimento do marido e do ativista de direitos humanos Amir Che Mat. Raymond Koh foi sequestrado por homens encapuzados, em fevereiro de 2017, e nunca mais foi visto. Durante o inquérito, ficou comprovado que ele foi vítima de desaparecimento forçado com o envolvimento de um ramo da polícia. 

Em fevereiro de 2020, quando completou três anos do desaparecimento do pastor Raymond Koh, Susanna entrou com uma ação civil contra vários funcionários governamentais de alto escalão. Ela disse que era o último recurso da família para entender o que aconteceu com o marido. Na entrega do prêmio, o Departamento de Estado afirmou: “Apesar da importunação policial e ameaças de morte, ela continua a advogar pelo marido e outros, não por causa da fé deles ou dela, mas por causa de seus direitos como malaios”.

Pedidos de oração