Trabalhadores imigrantes evangelizam os árabes

| 05/11/2015 - 00:00


5_SaudiArabia_0260008478

Embora seja estritamente proibido igrejas na Arábia Saudita e, conforme as leis do país, ser cristão é um crime punível de morte, Deus continua a abençoar o corpo de Cristo naquela nação. Embora o país seja fechado para o cristianismo, os caminhos estão abertos para que os árabes conheçam a Jesus, através dos trabalhadores imigrantes.

Os dois indianos Jaywant* e Prabhakara* são prova viva disso. Eles mostram como a obra de Deus continua, mesmo sob a extrema pressão do governo árabe. A Arábia Saudita é considerada o coração do islã e a casa de Meca, que é a cidade mais sagrada para os muçulmanos. Todos os 19 milhões de cidadãos sauditas são considerados muçulmanos por lei. No entanto, há vários cristãos secretos atuando no país, e correndo risco de vida. Cerca de 1 milhão dos 8 milhões de trabalhadores imigrantes na Arábia Saudita são considerados cristãos. Muitos deles são das Filipinas, Índia e países africanos como a Etiópia e a Eritreia. Eles têm que se reunir em segredo e não podem evangelizar publicamente.

Mesmo assim, eles conseguem compartilhar o amor de Cristo e tocar a vida das pessoas de maneira milagrosa. ""Através de um aconselhamento cristão eu consegui deixar os vícios, terminei um relacionamento extraconjugal e pedi perdão à minha esposa que está na Índia. Eu tive minha vida restaurada e agora sigo Jesus"", conta Jaywant.

Prabhakara chegou na Arábia Saudita já conhecedor do cristianismo: ""Eu abandonei Jesus quando ainda era adolescente, mas quando cheguei nesse país, tive a chance da reconciliação com meu Salvador. Quando oraram por mim, eu chorei muito, e continuei chorando a noite toda. No outro dia eu decidi servir a Deus com toda minha alma e com todo meu coração. Eu nunca mais sairei dos caminhos de Deus novamente"", conclui o indiano, que teve sua fé fortalecida.

*Os nomes foram alterados por motivos de segurança.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE