As pessoas que Deus usa em sua obra

| 08/12/2007 - 00:00


Quando Deus procura alguém para realizar Seus propósitos na terra, que tipo de homem ou mulher Ele está procurando? Pode não ser as pessoas que você imaginaria. Poderíamos dizer imediatamente: “Pessoas com nível universitário”. Ou talvez “pessoas talentosas”. Ou até mesmo: ”Pessoas que são quase perfeitas”. Mas não é o que vemos nas páginas da Bíblia. Para começar, vemos que Deus usa pessoas comuns.

Sempre ouvimos a vibração animada quando algum atleta ou celebridade famosa abraça (ou pelo menos parece abraçar) a fé em Cristo. Queremos dizer aos descrentes: “Olha, agora temos a Celebridade X do nosso lado!” E então queremos apresentá-la nas televisões cristãs e apressadamente colocá-la diante do público para nos representar, negligenciando o aviso da Bíblia que nos orienta a não elevar um novo convertido. Mas na maioria das vezes, essa celebridade dura pouco tempo na igreja, e ficamos envergonhados.

Por Sua parte, Deus parece sair de Seu caminho para escolher a pessoa inesperada. Por que? A fim de que, como diz a Bíblia, “nenhum homem se glorie diante de Deus”. (1 Coríntios 1:29)

Quando a elite religiosa de Jerusalém se encontrou com Pedro e João depois da ressurreição de Jesus, eles não sabiam o que fazer com eles. Esses homens não eram apenas pescadores comuns sem escolaridade? De onde vinha toda a ousadia e o penetrante jeito de falar? Por que é que esses homens eram tão diferentes? Então eles reconheceram que esses homens tinham estado com Jesus.

Menois aparência, mais coração

Entenda, Deus quer a glória pelo que Ele fez e está fazendo. E os recrutas que Ele procura para levar Sua obra à frente provavelmente se parecerão bem diferentes das pessoas que poderíamos ter escolhido. Nós nos apegamos à aparência das pessoas ou à lista de realizações que elas fizeram. Mas Deus olha direto para o coração.

Portanto, Deus usa pessoas comuns. Quem mais Ele usa? Ele usa pessoas verdadeiramente espirituais. Não estou falando aqui de algum tipo santarrão pomposo, mas de espiritualidade genuína. As pessoas mais espirituais que encontrei eram bem normais. Não tenho interesse algum em misticismo celestial falsificado, mas em vez disso num genuíno relacionamento diário com o Deus vivo.

Conhecer Deus e andar com Ele é um assunto essencialmente prático, e aqueles que realmente o conhecem serão algumas das pessoas mais reais e tocáveis que você chegará a encontrar. Os heróis da Bíblia — homens e mulheres como Jacó, Moisés, Gideão e Ester — não eram personagens fictícios. Eles usavam sandálias como o resto de nós. Eles eram totalmente humanos.

Era assim com Davi também, que se tornou o mais renomado rei de Israel. Ele era um homem profundamente prático, mas também tinha um profundo compromisso com Deus. Ele tinha uma fome profunda de Deus e um compromisso forte com o que era certo.

No Salmo 57:7, Davi escreveu: “Firme está o meu coração, ó Deus, o meu coração está firme”. Assim era o coração de Davi — não era instável, mas concentrado e meditativo, bravo e corajoso.

Agradar a Deus, não aos homens

O único desejo ardente de Davi na vida era agradar a Deus. Parece um pouco com o apóstolo Paulo. Ele também tinha esse claro alvo e singular objetivo. “Uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim, prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus”. (Filipenses 3:13-14)
Maria de Betânia também tinha esse coração, ao estar sentada aos pés de Jesus bebendo cada palavra dele. Nesse ponto, a irmã dela, Marta, não tinha esse foco singular, o que levou Jesus a dizer: “Marta, Marta, você está preocupada e aflita com muitas coisas. Mas uma coisa só é necessária, e Maria escolheu a parte boa, que não lhe será tirada”.

Você tem esse claro foco e objetivo em sua vida? Ou você está olhando para dois lados enquanto se acha tentando viver em dois mundos? O maior perigo na nossa vida está em permitir que coisas urgentes — aqueles detalhes prementes e insistentes da vida — não deixem espaço para o que é realmente importante.

Quando Deus procura pessoas que Ele quer usar, Ele também procura pessoas fiéis. Como jovem, antes de ser ungido rei, a principal responsabilidade de Davi era as ovelhas de seu pai! Não exércitos. Não batalhas. Não reinos. Não alianças. Só um rebanho de ovelhas no campo.

Mas era uma responsabilidade que ele levava muito a sério. Ele mais tarde menciona que ele lutou sozinho com leões e ursos para proteger essas ovelhas — e ele os venceu! Ali, em campo aberto, ele costumava passar horas adorando o Senhor enquanto vigiava aquele pequeno rebanho.

Sabedoria

Só porque Deus chamou você para ser líder não significa que você seja o certo neste exato momento! Há sempre uma série de testes primeiro. Foi desse jeito antes de Elias ungir Eliseu, antes de Moisés passar a liderança para Josué e antes de José estar preparado para assumir uma posição de responsabilidade imensa.

O jovem José, talvez você se lembre, estava cheio de visões de grandeza. Ele teve um sonho e acertadamente anteviu seus irmãos se prostrando diante dele. Mas a melhor atitude é guardar para nós mesmos algumas coisas.

Talvez Deus tenha lhe dado um sonho, uma visão do que você será. Não saia por aí se gabando para todos. Apenas seja fiel no que Ele colocou diante de você. Se a visão ou sonho for realmente dEle, acontecerá, mas não por meio de manipulação e esquemas.
Mesmo depois que Davi havia recebido revelação de Deus de que ele estava agendado para receber uma grande promoção, ele não permitiu que essa revelação o tirasse de seu alvo ou mudasse sua vida. Em vez disso, ele simplesmente prosseguiu fazendo com fidelidade o que ele vinha fazendo anteriormente.

E quando ele encontrou Golias, naquele momento decisivo de sua vida, ele estava procurando fama e glória? Não, ele estava realizando pequenas tarefas para seu pai, entregando sanduíches de queijo para seus irmãos nas linhas de batalha. Às vezes é engraçado como Deus opera. Foi fidelidade na obediência a uma simples tarefa que traria como conseqüência a primeira grande vitória de Davi.

Essas são algumas das qualidades que atraem a atenção de Deus. Ele está procurando pessoas comuns que verdadeiramente querem agradar a Ele e mostrar amor a Ele por meio de sua fidelidade nas tarefas do dia a dia. 

Greg Laurie , pastor sênior da igreja Harvest Christian Fellowship

Leia o texto original, em inglês, aqui.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE