Portas Abertas pede reconhecimento do referendo de Abyei