Cerca de 60 pessoas são mortas na Nigéria

O ataque aconteceu depois que as Forças Armadas da Nigéria atacaram a sede do grupo criminoso

| 31/01/2022 - 16:30

Grupo criminoso foi localizado e bombardeado pelas Forças Armadas (foto representativa)

Grupo criminoso foi localizado e bombardeado pelas Forças Armadas (foto representativa)


Pelo menos 60 pessoas foram mortas na Nigéria durante ação de um grupo criminoso. Uma gangue liderada por Bello Turji, no estado de Zamfara, estava mudando a sua sede quando os ataques aconteceram. Os bandidos, fortemente armados, atravessaram a área de várias aldeias, atirando contra civis. Eles também levaram gado que roubaram nos últimos anos. 

Muitas coisas em torno desse ataque ainda não estão claras. Fontes locais disseram ao jornal Daily Trust que o líder do grupo e seus homens foram deslocados por caças da Força Aérea Nigeriana. Eles estavam na floresta Fakai, na área do governo local de Shinkafi, e estão migrando para o Sul de Zamfara. 

O grupo criminoso, que é formado por centenas de bandidos, foi localizado e estava sendo bombardeado pela Força Aérea nigeriana. Eles decidiram mudar sua sede para um local com florestas densas.  

Recentemente, esse grupo foi contatado para libertar cerca de cinquenta aldeões que havia sequestrado com objetivo de solicitar resgate. Os ataques e a realocação da sede podem ser resposta ao anúncio feito pelo governo nigeriano há alguns dias. As autoridades anunciaram que denominarão oficialmente essas gangues como grupos terroristas.  

Esse anúncio é uma decisão importante e dá ao governo mais possibilidades de usar o exército contra as gangues fortemente armadas. Nos últimos anos, vários grupos criminosos no Noroeste da Nigéria se tornaram pequenos exércitos. Eles controlam grandes extensões de terra. Os aldeões que vivem nessas regiões são governados pelos líderes das gangues. Eles pagam impostos para as gangues para evitar serem mortos. 

A Nigéria é um dos países onde os cristãos são mais perseguidos. Os criminosos que fazem parte dessas gangues são majoritariamente de origem muçulmana. Isso significa que os cristãos que são sequestrados serão tratados de maneira mais violenta. Há ligações entre as gangues e organizações extremistas, como o Boko Haram. Recentemente, outro ataque ligado ao grupo extremista islâmico aconteceu, um ônibus que levava turistas cristãos foi incendiado.  

 

Pedidos de oração 

  • Clame pela paz na Nigéria. 
  • Ore para que o governo tenha sucesso em recuperar o controle do território e faça o melhor pela população nigeriana. 
  • Peça para que os cristãos tenham sabedoria para se posicionar, tenham paz no coração e permaneçam firmes na fé.  

Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

© 2022 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE