Conflitos causados pelo Boko Haram se espalham pela África Central e O

| 06/03/2015 - 00:00


09_Nigeria_0380007497

Ashagrie, analista da Portas Abertas sobre a perseguição aos cristãos comenta abaixo suas impressões sobre as ações do Boko Haram na região:

“O Boko Haram matou 70 pessoas na cidade de Fotokol, na fronteira com Camarões. A União Africana considera o grupo como uma séria ameaça e está enviando 7.500 grupos à Nigéria para combater esse grupo islâmico radical. Antes, a comunidade internacional falhou em não reconhecer que o grupo estava se expandindo territorialmente, mas agora é bom ver que isso mudou. O Boko Haram não é somente uma ameaça à estabilidade e segurança da região, mas obviamente também é uma ameaça aos cristãos e à outras minorias fora da Nigéria. Com sua meta de estabelecer um califado islâmico, o Boko Haram continuará a ter como alvo os cristãos dentro da Nigéria e fora dela"".

Ore pelos cristãos que permanecem firmes mesmo em meio a tantas dificuldades.


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2022 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE