Conversão de coragem

Portas Abertas • 10 dez 2015


10-Mianmar-0310105021

Hannah* era uma seguidora do budismo, a religião que prevalece em Mianmar, com cerca de 80% de adeptos de toda a população. Antes de se converter ao cristianismo, ela era uma mulher como as outras de sua comunidade, com seus brincos de ouro e suas bochechas pintadas de bege, uma maquiagem típica das birmanesas, feita com pó de uma árvore chamada tanaka.

Ao amanhecer, ela era a primeira a estar na cozinha a fim de preparar as refeições dos monges, depois banhava a estátua de Buda, ofertava alimentos nos templos, meditava e memorizava as orações budistas. Essa era a sua rotina.

Hoje, porém, ela é uma mulher transformada, até mesmo em sua aparência. As pessoas dizem que ela irradia o amor de Cristo. ""Quando ela se senta no chão com os irmãos, para cantar, sua voz se destaca entre os ‘glórias e aleluias’ ao nosso Deus, enquanto o líder da igreja toca o violão. Ela levanta as mãos para o céu e contagia a todos com a sua fé"", comenta um dos analistas da Portas Abertas.

""Nada foi fácil para mim quando decidi aceitar a Jesus como salvador, eu fui agredida pela minha própria mãe, durante vários anos e, muitas vezes, fui para a igreja machucada, mas sempre voltava para casa com o espírito restaurado e com uma felicidade tão grande que fui capaz de suportar todo o sofrimento. Eu jamais desistiria do meu Jesus. Continuarei firme, até o fim e vou continuar orando para que minha família se converta também"", conclui Hannah.

Sobre nós

A Portas Abertas é uma organização cristã internacional e interdenominacional, fundada pelo Irmão André, em 1955. Hoje, atua em mais de 60 países apoiando cristãos perseguidos por causa da fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2024 Todos os direitos reservados

Home
Lista mundial
Doe
Fale conosco