Cristã tunisiana é ameaçada de morte

Seus irmãos ameaçam matá-la caso não abandone Jesus e ela teme pelo futuro dos dois filhos

| 14/01/2018 - 00:00

A perseguição familiar é uma das mais dolorosas

A perseguição familiar é uma das mais dolorosas


Aisha* é uma jovem mãe de dois filhos na Tunísia que é perseguida pela família por causa da fé em Cristo. Agora no começo do ano, seus irmãos ameaçaram matá-la caso ela não negasse a Jesus. Ela foi aconselhada a levar a ameaça à polícia, e assim o fez.

A jovem também pediu aos seus pais que controlassem seus irmãos. Aisha ama seus irmãos e pais, mas eles continuam a persegui-la. “Eu não temo por mim mesma, mas pelos meus dois filhos, que seriam criados pela minha família”, diz a jovem mãe, cogitando a possibilidade de perder a vida por amor a Cristo.

Interceda por ela, para que Deus a fortaleça e lhe dê sabedoria para saber como agir diante das ameaças. Ore também pela família, para que entendam quem Jesus é e se rendam a ele. A Tunísia ocupa a 30ª posição na Lista Mundial da Perseguição 2018.

Hoje, 14 de janeiro, a Tunísia comemora sete anos da Primavera Árabe, movimento de revolta popular iniciado no país e que se estendeu pelo Oriente Médio e Norte da África. Os últimos dias têm sido marcados por manifestações contra o governo. Ore pela paz desta nação e por segurança e liberdade para os cristãos.

*Nome alterado por segurança.

Leia também:
País tem pequeno grupo de cristãos da segunda geração
“Gabinete de guerra” é criado na Tunísia


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2022 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE