Cristãos permanecem no Afeganistão apesar do Talibã

Ore pelos seguidores de Jesus que foram descobertos pelos extremistas islâmicos

| 07/02/2022 - 08:00

A população que ficou no Afeganistão vive sob o regime do medo implantado pelo Talibã (foto representativa)

A população que ficou no Afeganistão vive sob o regime do medo implantado pelo Talibã (foto representativa)


A situação dos cristãos já era crítica no Afeganistão antes do Talibã tomar o controle do território. Eles já viviam a fé cristã em segredo há gerações, porém, o contexto dos seguidores de Jesus no país piorou. Muitos conseguiram fugir, mas outros como Saad* e Fatimah* decidiram ficar e ser luz, mesmo correndo risco de morte. 

Há 40 anos, a família de Fatimah vive a fé em segredo no Afeganistão. “A dor de viver para Jesus e arriscar tudo para segui-lo não é novidade. Nem para mim e nem para meus avós que também viveram para ele e o seguiram”, afirma a cristã.

Há pouco tempo, as crenças da família foram descobertas pelos jihadistas e agora o nome deles integra uma lista do Talibã. Isso indica que a casa deles pode ser invadida a qualquer momento, e os cristãos correm risco de serem agredidos, sequestrados, presos e até mortos.

De acordo com Saad, outros cristãos secretos foram expostos e exterminados pelos jihadistas. “Alguns de nós foram mortos, sequestrados e outros desapareceram. Parece que vivemos o dia seguinte de uma catástrofe em massa”, explica. Porém, os seguidores de Jesus encontram maneiras de saber como os irmãos na fé estão e se precisam de algo.

A igreja afegã precisa do apoio dos cristãos espalhados pelo mundo e a primeira coisa que eles pedem é oração, para que sejam fortalecidos no Senhor. Em seguida, clamam para que os irmãos na fé não deixem de falar de Jesus e encontrar uma maneira de fortalecê-los nesse tempo difícil. Leia a matéria completa na Revista Portas Abertas de fevereiro.

*Nomes alterados por segurança.

Presenteie com a Revista Portas Abertas

Você pode edificar outras pessoas por meio dos testemunhos de cristãos perseguidos como Saad e Fatimah. Basta dar uma assinatura de presente da Revista Portas Abertas a quem você ama. Ela receberá 12 exemplares durante o ano e se tornará uma parceira na causa da Igreja Perseguida, automaticamente. Doe uma assinatura!


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE