Cristãos são detidos durante um culto a Deus

| 02/12/2016 - 00:00


01-azerbaijao-igreja-lendo-biblia

Nos últimos dias, em uma das aldeias do Azerbaijão, mais de 30 cristãos, entre eles homens, mulheres e crianças, se reuniram na casa de um dos líderes para adorar a Deus. Quando um grupo de 15 policiais chegou e exigiu que a reunião fosse cancelada imediatamente por se tratar de um “encontro ilegal” de acordo com as leis do país.

Como a igreja não possui um registro oficial, todos os membros foram interrogados. Os policiais fizeram uma lista com todos os nomes, anotando inclusive os dados de todos os documentos, incluindo o passaporte. De todo o grupo, 26 pessoas foram levadas à delegacia e somente 22 liberadas depois de assinarem uma declaração, no final da noite.

As outras 4 ficaram detidas, entre elas o pastor Azam* e sua esposa Halifa*. Os outros dois eram membros da igreja. Ambos só poderão ser liberados após o pagamento de uma multa no valor de 1500 manats (moeda azerbaijana), equivalente a 3 mil reais, o que representa um valor muito alto para eles.

*Nomes alterados por motivos de segurança.

Pedidos de oração

  • Ore por Azam, Halifa e os demais cristãos que estão detidos, para que sejam liberados e que a multa seja cancelada.
  • Ore por todos os membros da igreja, que eles tenham oportunidade de louvar a Deus com segurança.
  • Interceda pela igreja no Azerbaijão e ore para que muitos sejam impactados pelo amor de Cristo.

Leia também
Não haverá mudanças para os cristãos no Azerbaijão target=_blank>Não haverá mudanças para os cristãos no Azerbaijão
Líder cristão é preso sob falsa acusação target=_blank>Líder cristão é preso sob falsa acusação


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2022 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE