Eleição presidencial movimenta a Somália

| 08/02/2017 - 00:00


08-somalia-eleicoes-presidenciais-reuters

Hoje, 8 de fevereiro, é dia da eleição presidencial na Somália e um dia de grande expectativa para o povo, incluindo a comunidade cristã. Há mais de 20 candidatos, incluindo o atual presidente, Hassan Sheikh Mohamud. O clima é tenso no país, já que houve alguns ataques do Al-Shabaab antes do período das eleições. A igreja no país não aguarda por grandes mudanças. A Somália ocupa o 2º lugar na atual Lista Mundial da Perseguição, subindo bastante em relação ao ano passado, quando ocupava o 7º lugar.

Isto por que a guerra civil e o radicalismo colaboraram muito para o aumento da violência contra os cristãos, em especial aqueles que vivem em áreas rurais e são atacados por clãs dominantes. Para os muçulmanos, quem abandona o islã se enquadra como um traidor e fora da lei, já que o islamismo é a religião do Estado. Sendo assim, as eleições não significam muito para quem se decidiu por Cristo. É de se esperar hostilidade contra a igreja, ameaças de morte e muitas restrições.

O governo enxerga o cristianismo como uma ameaça à nação. “Existe um plano coordenado para abalar a fé islâmica e a união dos somalis. Precisamos coletar informações sobre as pessoas que deixaram o islã”, disse o chefe do Conselho Somali Ulama para Correção e Reconciliação, Sheikh Bashir Ahmed Salad, à mídia. Outro membro do Conselho que não teve o nome identificado também disse em tom de ameaça: “Antigamente, os apóstatas se escondiam, mas agora eles se expõem. Saibam que o anjo da morte os rodeia, então se preparem para morrer. A Somália sempre será um país 100% muçulmano. Quem abandona o islã é infiel e não pode se considerar um somali”, disse afirmando que a pena para os infiéis é a morte pela espada (decapitação). “Que a ‘paz’ esteja com vocês”, finalizou.

Juntos pela África
Os cristãos de alguns países da África Subsaariana enfrentam uma das piores perseguições de sua história. No dia 11 de junho, data escolhida para o Domingo da Igreja Perseguida 2017, juntos faremos mais pelos nossos irmãos dessa região.
Saiba mais  



Leia também
Estratégias dos cristãos para manter a igreja viva
A vida dos cristãos na Somália

 


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Instagram

© 2021 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE