Famílias de meninas sequestradas pedem orações

| 17/01/2016 - 00:00


17-nigeria-0380101363

Depois de mais de um ano de espera e buscas pelas meninas que foram sequestradas na escola do Chibok, pelo Boko Haram, algumas famílias entraram em depressão, outras se sustentaram na fé em Jesus e algumas tiveram que mudar para outras regiões com medo de mais sequestros.

""É difícil dizer que voltaram à vida normal, porque a vida deles nunca mais será a mesma, mas há alguns que dizem sentir uma força sobrenatural no controle da situação e que entendem que o sofrimento faz parte do dia a dia de um cristão. A maioria expressa a esperança de ver suas filhas novamente"", comenta um analista de perseguição.

O analista conta também que é impressionante ver que o perdão é algo muito espontâneo em todos eles, todos desejam perdoar os sequestradores e dizem que oram pela vida deles, como manda o mandamento do Senhor. ""A Portas Abertas está ajudando as famílias com alimentos e medicamentos e realizando um seminário específico para curar os traumas sofridos. Mas o que eles mais pedem são orações para que permaneçam fortes em todos os sentidos"", conclui ele.

Pedidos de oração

  • Ore pelas meninas que estão desaparecidas, para que o Senhor esteja com elas em todo o tempo, protegendo tanto fisicamente quanto espiritualmente.
  • Peça para Deus fortalecer as famílias, confortando o coração de pais, mães e irmãos das vítimas, pois eles estão sofrendo muito.
  • Ore também para que Deus dê sabedoria e estratégia aos governantes e que eles façam o necessário para encontrá-las.
  • Continue em oração pela Nigéria que está entre os primeiros países que mais perseguem cristãos no mundo.

Leia mais
Pai de menina sequestrada tem fé de reencontrá-la
Entenda a situação das famílias do Chibok
Cristãs nigerianas continuam sendo sequestradas


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2022 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE