Mais dois cristãos são mortos

| 10/02/2016 - 00:00


10-libia-0260003501

De acordo com informações da mídia local, em novembro do ano passado, dois cristãos foram mortos, sete dias depois de serem sequestrados. Eles eram trabalhadores estrangeiros. ""O relatório não diz quem foi o responsável pelo assassinato dos dois irmãos, as únicas informações disponíveis dizem que eles foram apanhados na ilegalidade e que foram alvejados por serem cristãos. Infelizmente, a cada dia, mais pessoas prometem fidelidade ao Estado Islâmico (EI) e a situação das minorias religiosas só piora"", comenta um dos analistas de perseguição.

Cristãos vindos de fora do país encontram esse tipo de violência ‘padronizada’, motivo que fez a Líbia subir rapidamente para o top 10 da Classificação da Perseguição Religiosa em 2016. O crescimento da influência do EI no país é a ameaça número um para os cristãos. Todos os incidentes recentes confirmam que há um esforço deliberado para exterminar do país os cristãos, sejam migrantes ou nacionais. Devido ao destaque continuado das milícias locais e à fraqueza do governo central do país, os cristãos não podem esperar que a situação melhore e é provável que a impunidade generalizada nos crimes cometidos contra eles continue.?

""Por favor, ajudem-nos na Líbia com suas orações. Especialmente as congregações de migrantes de língua árabe que precisam de intercessão. Essas igrejas são frequentadas principalmente por cristãos etíopes e eritreus. Tivemos tiroteios e a decapitação de 20 irmãos etíopes. Muitos cristãos estão assustados, desanimados e decepcionados. Ore para que o Senhor nos fortaleça em nossa fé neste tempo de forte perseguição"", pede um cristão líbio.

Leia também
Líbia entra para o Top 10 da Classificação da Perseguição Religiosa


Sobre nós

Uma organização cristã internacional que atua em mais de 60 países apoiando os cristãos perseguidos por sua fé em Jesus.

Facebook
Instagram
Twitter
YouTube

© 2022 Todos os direitos reservados

INÍCIO
LISTA MUNDIAL
DOE